Cód: 029050

Cheracap c/ 12 Cápsulas

Princípio Ativo

Ácido Acetilsalcilico+Cafeina+Metoxifenamina

Preço válido para compras feitas pela internet. Imagem meramente ilustrativa. Venda sob prescrição médica.
Selecione a :
R$ 7,81 R$ 6,01

Produto indisponível

Avise-me quando chegar

Bula

CHERACAP®

Maleato de clorfenamina

Cloridrato de metoxifenamina

Ácido acetilsalicílico e Cafeína

FORMA FARMACÊUTICA E APRESENTAÇÃO:

Cartuchos com 12 cápsulas.

USO ADULTO.

COMPOSIÇÃO:

Cada cápsula contém:

Maleato de clorfenamina ................................................................... ....... 2,0 mg

Cloridrato de metoxifenamina ............................................................ . 25,0 mg

Ácido acetilsalicílico ................................................................... .............. 324 mg

Cafeína ......................................................................................... ................. 32,4 mg

Excipiente q.s.p. ......................................................................................... 1 cápsula

O excipiente contém lactose, celulose microcristalina, amido de milho, sacarose, povidona, álcool, estearato de magnésio, benzoato de sódio, gelatina e talco.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE:

CHERACAP® (maleato de clorfenamina, cloridrato de metoxifenamima, ácido acetilsalicílico e cafeína) contém em sua formulação princípios ativos com propriedades que se complementam na terapêutica da gripe e resfriados.

O produto deve ser mantido em local protegido da luz e umidade. Deve-se evitar calor excessivo.

O prazo de validade de CHERACAP® (maleato de clorfenamina, cloridrato de metoxifenamima, ácido acetilsalicílico e cafeína) é de 30 meses a partir da data de fabricação impressa na embalagem externa. Não use medicamentos com o prazo de validade vencido.

A segurança do uso deste tipo de medicamento durante a gravidez e lactação ainda não foi determinada; portanto, como a maioria dos medicamentos, CHERACAP® (maleato de clorfenamina, cloridrato de metoxifenamima, ácido acetilsalicílico e cafeína) não deve ser administrado a mulheres grávidas ou que estejam amamentando. Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Informar ao médico se está amamentando.

Informe a seu médico o aparecimento de reações desagradáveis durante o tratamento, tais como, sonolência, náuseas, sensação de boca seca, azia, vômitos e demora na parada de sangramento.

TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS.

Os anti-histamínicos (como a clorfenamina) podem aumentar os efeitos do álcool ou outras drogas depressoras do sistema nervoso central.

CHERACAP® (maleato de clorfenamina, cloridrato de metoxifenamima, ácido acetilsalicílico e cafeína) está contra-indicado para pacientes que tenham hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula, bem como portadores de úlceras, hemofilia, perturbações funcionais das plaquetas, angioedema, trombocitopenia, insuficiência renal, déficit hepático, gota, doença cardíaca, hipertensão arterial grave, deficiência genética de glicose 6-fosfato desidrogenase, hipertrofia da próstata e glaucoma.

CHERACAP® (maleato de clorfenamina, cloridrato de metoxifenamima, ácido acetilsalicílico e cafeína) deve ser utilizado apenas por pacientes adultos.

NÃO USE REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DE SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE.

INFORMAÇÕES TÉCNICAS:

CHERACAP® (maleato de clorfenamina, cloridrato de metoxifenamima, ácido acetilsalicílico e cafeína) contém em sua formulação princípios ativos com propriedades que se complementam na terapêutica da gripe e resfriados.

O maleato de clorfenamina apresenta as mesmas propriedades e usos dos demais anti-histamínicos, sendo um dos mais potentes e eficazes. Sua ação é de menor duração, com efeito de 4 a 6 horas por via oral, o que provoca menos sedação.

O cloridrato de metoxifenamina, de acordo com as experimentações farmacológicas realizadas, mostrou-se duas vezes mais eficaz que a efedrina em eliminar a broncoconstrição induzida por drogas colinérgicas ou pela própria histamina. Sua ação anticolinérgica é, pois, maior do que a da efedrina, embora relativamente fraca em comparação com a atropina ou compostos sintéticos anticolinérgicos. Todavia, seus efeitos anti-histamínicos são menos pronunciados do que aqueles das verdadeiras drogas anti-histamínicas.

O produto reúne, ainda, as ações analgésicas e antitérmicas do ácido acetilsalicílico, associadas à ação estimulante da cafeína. Essas duas substâncias associadas são mais eficazes que qualquer uma delas separadamente.

INDICAÇÕES:

No tratamento das afecções congestivas das vias aéreas superiores, tais como resfriados, congestão nasal, cefaléia e mal estar decorrente de estados gripais.

CONTRA-INDICAÇÕES:

Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula.

Úlceras, estados hemorrágicos, hemofilia, perturbações funcionais das plaquetas, angioedema, trombocitopenia, insuficiência renal, déficit hepático, gota, doença cardíaca, hipertensão arterial grave, deficiência genética de glicose 6-fosfato desidrogenase, hipertrofia da próstata e glaucoma. Este produto não deve ser utilizado durante a gravidez.

ADVERTÊNCIAS E/OU PRECAUÇÕES:

Pacientes portadores de asma, diabetes, hipertensão arterial ou distúrbios da tireóide somente deverão fazer uso do produto sob controle médico.

O ácido acetilsalicílico pode estar associado com o desenvolvimento da síndrome de Reye em crianças ou adolescentes com doença aguda febril, especialmente influenza e varicela. O ácido acetilsalicílico deve ser usado com cautela em pacientes com insuficiência hepática e em hemofílicos.

Uso durante a gravidez e lactação:

A segurança do uso deste tipo de medicamento durante a gravidez e lactação ainda não foi determinada; portanto, como a maioria dos medicamentos, CHERACAP® (maleato de clorfenamina, cloridrato de metoxifenamima, ácido acetilsalicílico e cafeína) não deve ser administrado a mulheres grávidas ou que estejam amamentando.

INTERAÇÕES MEDICAMENTOSAS:

Os inibidores da monoaminoxidase podem prolongar e intensificar os efeitos dos anti-histamínicos. Os anti-histamínicos podem diminuir os efeitos dos corticosteróides e anticoagulantes orais e podem aumentar os efeitos do álcool ou outras drogas depressoras do sistema nervoso central. O uso concomitante com outras drogas antiinflamatórias pode aumentar o risco de reações adversas gastrintestinais.

REAÇÕES ADVERSAS:

Durante o tratamento poderão ser observados os seguintes sintomas: sonolência, náuseas e sensação de boca seca.

A sonolência decorrente da atividade anti-histamínica do produto é perfeitamente suportável, não sendo necessária a interrupção das atividades normais do paciente durante o tratamento.

A ingestão de ácido acetilsalicílico pode resultar em azia, náuseas, vômitos, erosão gastrintestinal e prolongamento do tempo de sangramento. Sensação de zumbido foi relatada com o uso de ácido acetilsalicílico.

POSOLOGIA:

Uma cápsula por via oral a cada 6 horas.

SUPERDOSAGEM:

Sintomas relacionados à superdosagem com ácido acetilsalicílico incluem desidratação, hiperpnéia, distúrbios ácido-básicos com o desenvolvimento de acidose metabólica e hipoprotrombinemia. Os efeitos da superdosagem com anti-histamínicos podem variar de depressão do sistema nervoso central (sedação, apnéia, diminuição do estado de alerta mental, colapso cardiovascular), excitação (insônia, alucinações, tremores ou convulsões).

O tratamento indicado é esvaziamento do estômago por ação provocadora de vômito ou lavagem gástrica, cuidando-se para evitar aspiração; administração de carvão ativado; monitorização e acompanhamento das funções vitais; instituição de transfusão, hemodiálise, diálise peritoneal ou hemoperfusão em casos de severa superdosagem.

PACIENTES IDOSOS:

Aos pacientes idosos se aplicam todas as recomendações acima descritas.

Registro nº MS - 1.2389.0019

Responsável Técnica:

Farm. Bioq. Dra. F. Cutrupi - CRFSP 7.562

Fabricado por:

PHARMACIA & UPJOHN LTDA.

R. Solange A. Montán, 49 - Jandira - SP

CNPJ 71.699.490/0005-98

Indústria Brasileira

SAC - Serviço de Atendimento ao Consumidor

Fone: 0800-550504

Sob licença de:

Pharmacia & Upjohn Co. - EUA

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.

Nº DE LOTE, DATA DE FABRICAÇÃO E VALIDADE: Vide cartucho.